importância do buy box

Quando as principais varejistas do mercado, como Americanas.com, Submarino e Ponto Frio, passaram a oferecer o modelo de marketplace, abriram as portas para que outras empresas pudessem aproveitar de seu alcance para vender mais. São inúmeros benefícios, dentre eles o modelo de cobrança, baseado no modelo CPA (custo por aquisição), ou seja, o seller, nome dado ao vendedor que comercializa seus produtos nesses canais, só paga quando a venda for concretizada. Também não é cobrada nenhuma taxa de marketing, segurança ou TI.

Para entender o tamanho do potencial do marketplace para as empresas, vamos usar o exemplo da B2W, que o segundo ranking da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), é a maior empresa do E-commerce Brasileiro.

O B2W Marketplace, que reúne as marcas Americanas.com, Submarino e Shoptime, recebe mais de 450 milhões de pageviews por mês. As marcas possuem mais de 9 milhões de fãs nas redes sociais. Os sites recebem mais de 2,4 milhões de pedidos todos os meses. Em seu balanço do 3º trimestre de 2016, a empresa divulgou que já possui mais de 4.400 sellers, o que demonstra o quanto esse mercado vem crescendo e chamando a atenção de mais lojistas.

Os marketplaces buscam estar em constante aprimoramento. A página de produtos é um dos pontos de atenção, pois é nela que o cliente optará por comprar ou não o item escolhido. Em um cenário no qual vários lojistas podem oferecer o mesmo produto, são criadas regras automáticas para definir quais deles serão destacados na página na qual são exibidos. São equacionados fatores como preço, frete, avaliação do consumidor e estoque para destacar um lojista em detrimento de outro. O destaque do produto é chamado buy box.

Abaixo segue exemplo de buy box ou “caixa de compra”:

 

Note, na imagem, que é exibido o valor praticado pelo produto, esse item, é o buy box. Logo acima do preço existe a descrição “vendido e entregue por”, trata-se do seller que realiza a venda do item. Desse modo, quando o cliente clica sobre o botão comprar, ele adquire o produto em destaque.

Ainda na imagem, logo abaixo da avaliação (estrelas amarelas), existe o texto “Veja nossas 3 ofertas deste produto a partir de R$ 2.199,00”. Ali ficam posicionados os outros sellers, que dentre os critérios adotados pelo marketplace, não são a oferta principal (buy box).

De maneira simplificada, o consumidor vai se deparar com essas opções destacadas e a propensão de compra será maior. Quão melhor for a posição do seller, maior a possibilidade de venda. Como em um supermercado, onde as marcas desejam se posicionar na altura dos olhos do consumidor (e pagam mais para isso). A diferença é que no marketplace essa seleção é realizada automaticamente levando em conta alguns critérios.

Estar no marketplace será um importante passo para seu negócio. Conseguir o buy box possibilitará que você realize ainda mais vendas.


Entre em contato com a Sieve







Compartilhe essa postagem

Qual a importância do buy box nos marketplace?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *