Qual é o preço ideal dos seus produtos? Qual tipo de estratégia a sua loja virtual usa para precificar os itens antes de colocar a venda? É importante que você pense nesse aspecto. Afinal, a taxa de conversão do seu e-commerce depende disso, de uma boa estratégia de precificação.

Se você ainda não tem um planejamento de precificação ou se quer comparar as ações que realiza antes de determinar o preço de seus produtos, confira os três passos que reunimos neste artigo para a sua loja virtual!

1. Conheça todos os custos e despesas envolvidos aos produtos

Para que o produto seja vendido, quais despesas a sua loja virtual terá? É importante que você saiba reconhecer todos os custos que envolvem a venda, para seguir para o próximo passo que é tão relevante quanto o primeiro.

Sendo assim, analise os custos com fornecedor, mão de obra — se você mesmo for o produtor desses itens —, despesas com empresas de pagamento, administração e manutenção do e-commerce, entre outros gastos comuns.

É fundamental que saiba o valor individualmente, por produto, para que seja possível chegar ao preço ideal do item em questão.

2. Defina qual será sua margem de lucro para o preço ideal

O preço ideal não é aquele que pague as suas contas. Mas, sim, aquele que supra suas despesas, mas que também gere lucro para o seu e-commerce. Você já determinou qual será sua margem de lucro?

É importante pensar que não há uma margem ideal para todos os negócios. Afinal, vários fatores de sua própria loja virtual influenciam na decisão de qual é a melhor escolha. Mas, é importante lembrar que preços muito baixos podem gerar prejuízos para a sua empresa, enquanto preços altos demais podem afastar clientes. Equilíbrio é a palavra-chave.

3. Valorize as variações do mercado

Não esqueça de valorizar as variações mercadológicas. É claro que os pontos apresentados acima são extremamente relevantes para que sua loja virtual chegue ao preço ideal dos produtos. Porém, levar em conta o valor que a concorrência pratica para os mesmos itens que você vende também tem importância.

Ter uma margem de preço muito diferente do mercado, não é muito bom para o seu negócio. Um preço alto demais pode te fazer perder vendas e um baixo demais pode impactar sua credibilidade.

A melhor estratégia, nesse sentido, é sempre acompanhar o preço que a sua concorrência pratica. Assim, não corre o risco de fazer a precificação sem esse dado tão importante para a sua loja virtual.

Para isso, a Sieve, empresa de inteligência de preço, monitora e analisa ofertas com o objetivo de te tornar mais competitivo e, consequentemente, aumentar a sua taxa de conversão. Entre em contato em nosso site!

Leia também:

O que você precisa saber antes de abrir uma loja virtual

Como vender mais e melhor para se destacar nos marketplaces

Calendário 2019: melhores datas para vender mais

 

Compartilhe essa postagem

3 passos para conquistar o preço ideal na sua loja virtual
Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *