Os consumidores sempre ficam em dúvida sobre qual método devem utilizar na hora de pagar as compras. Mas eles não são os únicos. Os vendedores também se questionam: devo vender à vista ou a prazo?

Antes de tomar a decisão, você deve levar em conta em qual tipo de negócio atua para o seu e-commerce não sofrer com o fluxo de caixa. Conheça os pontos fortes e fracos de cada forma e, após análise, descubra qual é a melhor opção para o seu caso.

vender à vista ou a prazo

Vantagens e desvantagens de vender à vista

Entre as principais vantagens de vender à vista, destacamos:

  • A possibilidade de dar desconto ao cliente, criando empatia. Em algumas situações, o desconto pode servir como grande ajuda para fidelizar o cliente, porque ele vai enxergar como gentileza.
  • Por sua vez, com o pagamento à vista do consumidor, você pode pagar o fornecedor à vista e também pedir descontos.
  • O aumento de caixa da empresa é instantâneo, com mais facilidade para receber o dinheiro.

Contudo, as desvantagens são:

  • Quando o seu produto possui um preço elevado e você oferece apenas pagamento à vista, dificulta o consumo por parte do público com menos poder aquisitivo, ou seja, corre o risco de perder algumas vendas.
  • A concorrência sai na frente, pois hoje em dia, independentemente do valor, a maioria dos e-commerces disponibiliza opções de pagamento à vista e a prazo.

Vantagens e desvantagens de vender a prazo

Certamente, as vantagens de vender a prazo são:

  • O poder de compra do cliente aumenta, fazendo com que ele consuma mais. Isso porque as parcelas deixam o pagamento mais leve.
  • O seu ticket médio cresce, porque o parcelamento permite que pessoas de diversas condições financeiras comprem seus produtos.
  • O pagamento parcelado também é uma forma de criar empatia e fidelizar, pois traz facilidade. Sendo assim, em compras futuras ele vai pensar na sua marca, antes das outras.
  • Receber o valor fixo da parcela mensal permite ganhos a longo prazo, ou seja, é a “garantia” para seu fornecedor que você terá dinheiro nos próximos meses. Desta forma, as condições para negociação melhoram.

Por outro lado, entre as desvantagens, podemos citar:

  • Nas vendas a prazo, é recomendo consultar o histórico do cliente para oferecer uma linha de crédito condizente com a situação financeira dele. Ainda assim, por menor que sejam as chances, o risco de inadimplência sempre existe. Nestes casos, uma solução interessante é recorrer aos marketplaces, para vender à vista ou a prazo sem dor de cabeça.

Afinal, devo vender à vista ou a prazo?

Em resumo, o ideal é flexibilizar o pagamento e deixar o cliente escolher, isto é, você deve optar pelas duas formas. Ao invés de escolher entre vender à vista ou a prazo, venda à vista e a prazo.

Outra dica é ser transparente. Deixe claro que o pagamento parcelado pode sofrer reajustes e ter um valor total maior do que o pagamento à vista.

Mas, acima de tudo, lembre-se que de dar ao usuário a melhor experiência de compra, com praticidade e rapidez, para que ele volte no futuro.

Leia também:

Dicas para otimizar o pagamento online da sua loja virtual

Tributação sobre vendas, concorrência e comissão: como otimizar seu preço no marketplace?

Quanto o e-consumidor está disposto a gastar?

Compartilhe essa postagem

Vender à vista ou a prazo? Qual o melhor tipo de cobrança?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *