Monitorar concorrentes é uma tarefa simples, mas que exige tempo e observação. Isso porque algumas informações podem ser acessadas através de pesquisa na internet. A questão é saber filtrar o que é importante ou não.

Sendo assim, após descobrir quais são seus concorrentes, você precisa entender como eles se posicionam no mercado digital. Veja 4 dicas essenciais:

monitorar concorrentes

Monitore as campanhas de marketing

Estar por dentro das ações de marketing e publicidade dos seus concorrente é fundamental para sair na frente.

Eles investem em branding? Performance? Qual é o tipo de linguagem usada em ações, anúncios, site, peças? As marcas utilizam tom formal ou informal?

Esse é um jeito inteligente e certeiro de se posicionar no mercado, porque você descobre onde estão os erros dos outros e-commerces e comunica ao público o que ele mais deseja.

Monitore os canais de comunicação

Para monitorar concorrentes, não adianta saber apenas o que eles falam com o público, mas também por onde eles falam.

Os canais de comunicação são os mais diversos possíveis:

  • e-mail marketing;
  • anúncios no Google;
  • posts em redes sociais;
  • vídeos com demonstração de produto.

E engana-se quem pensa que os e-commerces vendem só quando falam com o público pela internet. Uma prática que tem bastante utilizada é aproveitar canais de TV voltados ao varejo, como a Shoptime, porque muitas pessoas assistem televisão enquanto mexem no celular e navegam na internet.

Por falar em celular, há ainda os SMS e ligações diretas. Esses canais costumam ser invasivos e pessoais, mas em casos específicos, as chances de concretizar uma venda por algum deles são altas.

Inscreva-se e acompanhe os boletins informativos, visite sites, siga as redes sociais, etc. Tudo isso serve para descobrir quais canais mais usados pelos concorrentes.

Monitore o que eles vendem

Uma parte importante ao monitorar concorrentes é conhecer exatamente o que eles vendem. Se possível item por item. Porque assim como as estratégias de marketing e publicidade, você consegue enxergar os espaços e atacá-los, ou seja, vender o que ninguém vende.

Entretanto, é preciso também ter cautela, porque só vale a pena expandir as suas ofertas se estiverem de acordo com as necessidades do público.

Utilize uma plataforma de preços para monitorar concorrentes

Investir em uma plataforma de preços pode ajudar na hora de monitorar concorrentes, em especial, para aumentar o catálogo de produtos e diminuir os preços sempre que possível.

Afinal, tomar decisões por meio de dados confiáveis, precisos e completos traz mais segurança.

Ainda está em dúvida? Conheça melhor como funciona uma plataforma de preços.

Leia também:

Por que o monitoramento de mercado de lojas virtuais é importante?

Como precificar produtos de acordo com os concorrentes

Como preparar promoções no marketplace para as grandes datas do segundo semestre?

Compartilhe essa postagem

4 melhores maneiras de monitorar concorrentes na internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *