Quando um empreendedor decide vender no marketplace, umas das principais dúvidas que surge é como realizar a precificação de produto. De nada adianta oferecer o menor preço do mercado, se não levar em conta os custos com produção, distribuição e equipe de funcionários.

Além disso, apesar do preço ser importante para conquistar o buy box, não serve como garantia, é apenas um dos requisitos.

Definindo a estratégia de precificação, você consegue aumentar a margem de lucro da sua empresa, ou seja, entende qual é a hora certa para mudar os valores sem sofrer com a diminuição de vendas.

precificação de produto

Considere a relação entre preço x valor de marca

As pessoas procuram o seu produto? Há outros e-commerces vendendo o que você vende? Essas perguntas precisam ser levadas em consideração no momento de estabelecer a relação entre preço x valor de marca. Há uma tendência no mercado de que quanto mais escassa for uma mercadoria, maior o seu preço.

Aqui não falaremos se é certo ou errado. Mas ao invés disso, você pode investir na sua marca, oferecendo ao mercado algo inovador.

Acredite, as pessoas não se importam em pagar um pouco mais caro em marcas que acreditam agregar valor, ou seja, encontre um diferencial e invista nisso.

Normalmente, empresas com produtos premium devem ter seus preços justificados graças à alta qualidade do material, ações de marketing inteligentes, embalagens personalizadas, etc.

Use a psicologia na precificação de produto

Evite os valores redondos nos seus preços. Troque o R$ 6,00 por R$ 5,99, R$ 419,00 por R$ 319,99 e assim sucessivamente.

Essa técnica já é bastante conhecida para precificação de produto. Se o seu concorrente também utiliza, diminua o valor ainda mais, ou seja, oferte por R$ 5,98, R$ 319,98. Em termos práticos, é uma atitude irrelevante, pois você não tem sua margem de lucro prejudicada.

Mas entenda que quando as pessoas ficam em dúvida no momento da compra, um pequeno incentivo pode fazer grande diferença.

A opção de parcelamento é outra forma de psicologia de preço. Isso porque grandes parcelas com baixos valores não pesam no bolso do cliente, ou seja, ele adquire o item sem dar importância ao gasto mensal, já que não tem seu orçamento comprometido.

Invista no monitoramento de concorrentes

Para descobrir o valor da sua marca e aplicar a psicologia de preço, primeiramente é necessário entender o que seus concorrentes estão fazendo. Sendo assim, considere investir em uma plataforma de monitoramento.

Desta forma será possível analisar todos os sellers que vendem o mesmo produto que você e quais condições de preço e frete oferecem.

Entendeu como melhorar a precificação de produto? Agora, saiba como funciona uma plataforma de monitoramento, clicando aqui.

Leia também:

Como calcular o preço de venda com a Sieve

Como se tornar uma referência com estratégias de precificação

3 erros mais comuns ao definir preços de produtos

Compartilhe essa postagem

Precificação de produto nos marketplaces: como melhorar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *